Sindicato dos Empregados no Comércio de Americana, Nova Odessa e Cosmópolis
UGT/SP repudia e reforça mobilização contra a terceirização ampliada

No mesmo dia da realização do Congresso Estadual da UGT/SP na cidade de Tupã, 8 de abril, que elegeu e empossou o presidente Luiz Carlos Motta e a diretoria da Central, a Câmara dos Deputados aprovou o texto-base do Projeto de Lei 4.330, que amplia as terceirização e precariza as relações de trabalho.

Diante disso, o presidente Motta apresentou a tomada de posição imediata da UGT Paulista:

1) O PL é retrocesso.

2) Manter mobilização permanente no Congresso Nacional junto aos gabinetes dos deputados federais e senadores, bem como em suas bases de origem, na intenção de sensibilizá-los sobre os efeitos nocivos da medida.

3) O relator Arthur Maia (SD-BA) também é “alvo” dessas manifestações de repúdio ao PL.

4) A UGT/SP também vai comunicar estes impactos para a sociedade civil – afinal ela afeta trabalhadores e trabalhadoras de modo geral. 

Filiação:

Criado e Desenvolvido por Reami Comunicação

SINCOMERCIÁRIOS. Todos os direitos reservados.